Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem não conhecia, saiam enquanto é tempo...Para quem já conheceu, puxem duma cadeira...Vem aí a versão 2.0...

Desafio

A Cláudia desafiou-me para mais um desafio...

Este consiste em enumerar 8 coisas que gostaria de fazer antes de bater a caçuleta...

A verdadeira questão aqui é...só 8???Tanta coisa que gostaria de ver realizada, objectivos alcançados, metas transpostas...Bem, são 8 não são???Vamos lá então a isto...E atenção que a ordem é completamente aleatória...

- Tenho a absoluta certeza que irei escrever um livro...O que também tenho a certeza é que não é literatura para os pequenotes...Contos da Cabala deixo para a Madonna...

- Ir ao Porto visitar a campa do meu avô materno...Nunca o fiz, apesar de todo o carinho e amor que nutria (e nutro, o amor não morre) por ele...

- Sei que mais ano menos ano, irei visitar Veneza...Só não sei é se já não se chamará Atlântida quando lá chegar...O mais provável é chegar lá de submarino e não num avião da Alitalia...

- Ver a minha prole bem encaminhada na vida, num rumo certo e que sejam melhores pessoas do que aquela que o pai foi...Que lhes consiga incutir determinados valores que o pai tão teimosamente ignorou ou aprendeu tardiamente...

- Gostaria verdadeiramente de nunca perder o sentido de humor que me caracteriza...De poder olhar para trás daqui a muitos anos (espero eu...) e saber que fui fiel à minha maneira de ser e não submisso às vontades de uma sociedade que critica tudo o que não se encontra dentro dos seus parâmetros de influência.

- Ser o orgulhoso dono de um carocha vermelho...Adoro o carro...É um clássico digno de qualquer amante de carros...

- Aprender uma forma de manter os meus óculos escuros minimamente intactos...Poupava-me o trabalho de ter de andar a comprar óculos todos os anos...É que até a Ray Ban começa a entrar na onda dos óculos king size e eu não sou o Bono...

E por fim...

- Ser feliz...Apreciar os pequenos momentos de felicidade que a vida nos proporciona e dos quais mal nos damos conta...Agradecer pelo facto de vivermos mais um dia, de podermos estar presentes na vida daqueles que nos são especiais...

Muito mais coisas ficaram por mencionar, mas como disse no início, 8 nem sequer arranha a superfície de tudo aquilo que ainda desejo fazer...E para variar um pouco, decidi encarar um desafio de forma séria, o que é muito raro...Aproveitem que isto não dura sempre!

A todos aqueles que por aqui passam, sintam-se desafiados...

Please God, kill me now!!!

Senti-me nervoso...Já lá iam anos que não me sentia desta forma...O suor escorria-me da testa...As mãos tremiam antecipando o que me esperava...Jurei a mim mesmo que evitaria o mais que pudesse este dia...Ganhei coragem...Respirei fundo...Dei um passo em frente, decidido...Abri a porta...

E ENTREI NA AGÊNCIA BANCÁRIA!!!

Odeio agências bancárias...Por variadíssimas razões...Primeiro que tudo, odeio aquelas filas enormes (parece mais que estou numa sessão de autógrafos do Tony Carreira que num banco)...Depois, odeio que 90% das filas sejam velhotes chatos como a putassa que falam mais alto que os tipos que se metem em cima das carripanas nas feiras a vender atoalhados e napperons (e não leva dois jogos de cama...nem três jogos de cama...leva só um, um conjunto de facas de cozinha e uma enxada pró tio Manel ir cavar as batatas pró quintal...Tudo isto não por 5€...Nem por 4€...Tudo isto por 80€...Quem dá mais, quem dá mais???)...E depois há sempre um cheiro...esquisito...Não, não é esta a palavra...estranho...Não, também não é esta a palavra...Nauseabundo...Isso...Nauseabundo...Estão a ver uma ETAR?É mais ou menos isso...Meia centena ou mais de pessoas num espaço fechado a destilar odores corporais como quem acabou de correr a maratona de Lisboa e obtém-se o sacrifício pelo qual tive de passar hoje...Tudo isto para depositar a porra de um cheque...Porquê?Porque as máquinas da entrada que permitem fazer o depósito dos ditos estavam avariadas...

Presto a minha vénia a todos os trabalhadores daquela agência bancária...Não só são poucos, como levar com aquele bedum todos os dias, deve ser de levar uma pessoa à loucura...E nem sequer uma mola da roupa no nariz, podem levar para o atendimento...Desumano, sem dúvida...

Uma das coisas que reparei, é que está tudo muito diferente...Agora em vez de balcões enormes a perder de vista, o banco tem pequenas ilhas espalhadas pelo espaço, tipo aquelas ilhas da micronésia que desaparecem quando a maré sobe...Até fiquei com a sensação de ser um gajo cheio da guita, tal a modernidade do espaço...Ainda fiquei na vã esperança de ter tratamento VIP, mas depois lembrei-me que para além de não ter onde cair morto (ainda me restam 5 vidas, e os funerais estão caros...) aquilo não era o BPN, logo não tinha lá um gerente para fugir com o meu dinheiro...Ah, nem outro para forjar um suicídio e ficar na mesma com o meu dinheiro...Não só são uns trafulhas, como têm uma capacidade "houdinesca" fabulosa...

Finalmente lá chegou a minha vez (uma hora e meia depois...) e lá consegui depositar um mísero cheque...É por isto que eu adoro o serviço home banking...

Uma caixinha catita que permite pesquisar as entranhas dos últimos anos de posts. Muito útil, principalmente porque nem eu já me lembro de metade do que escrevi...

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Março 2009

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Licença

Licença Creative Commons
Este obra para além de estar razoavelmente bem escrita (se assim não fosse, não havia tanta gente a plagiá-la), está também licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D